Clube do Livro – Livros & Citações

Você provavelmente já ouviu falar do blog literário Livros & Citações porque o trabalho que eles realizam é realmente fascinante e de uma alta qualidade.
Sendo uma admiradora de um blog tão magnífico, recebi a proposta de trazer para vocês a divulgação do novo projeto deles: Clube do Livro.
Este clube de assinatura consiste no objetivo de enviar livros para diferentes públicos e que caibam no seu bolso. Recendo uma caixa com um ou dois livros dos gêneros que mais se identificam com o seu gosto, o assinante também receberá marcadores, botons e muitos outros brindes personalizados. Além de ter brindes exclusivos, o leitor terá a oportunidade de receber em sua casa um livro que não tem ideia do que seja e com a curiosidade aguçada, ele poderá ter uma fantástica experiência literária.

Top 5 | Livros nacionais que você precisa ler

Se você acompanha o Magia é Sonhar, provavelmente é um leitor ou ao menos está procurando um livro que te incentive a dar o primeiro passo para se tornar um leitor, por isso, este post é só para livros nacionais. Infelizmente, muitos leitores já leram inúmeros livros, mas nunca um que seja nacional. O preconceito com a nossa própria literatura é muito grande e precisa ser discutido e principalmente, é necessário acabar com ele porque a literatura nacional é muito rica em conteúdo e qualidade e muitos autores sensacionais acabam sendo prejudicados porque o leitor brasileiro acaba tendo preconceito com a própria literatura.
Neste post temos 5 livros que não são tão conhecidos e que eu não tenho falado tanto aqui no blog, justo para que talvez vocês possam conhecer novos autores, novos livros e principalmente, para vocês conhecerem um pouco mais desta nossa literatura tão fantástica, mas que não é valorizada como deveria.

Dia das Crianças | Leia para uma criança

Dia 12/10 é o dia das crianças e mesmo que você não seja mais uma criança e talvez não tenha uma tão próxima a você, ainda assim passa dias escutando falar deste dia tão esperado por elas. As lojas estão lotadas de brinquedos, os pais estão chocados com os preços, mas mesmo assim compram, porque a felicidade estampada no rosto da criança compensa.
Não estou aqui para falar que brinquedos ou computadores e celulares são ruins, claro que não. Isso também é bom. Isso também pode ser importante. Mas o que quero questionar é: "Você dá um livro de presente para uma criança?", "Você lê para uma criança?" 
Infelizmente, pesquisa mostram que mesmo sabendo da importância da leitura na vida de uma criança, são pouquíssimos os que realmente incentivam a leitura na vida da criança. 

Primeiras Impressões | Doce Amargo II – Evelyn Santana

Livro: Doce Amargo – Livro II
Autora: Evelyn Santana
Editora: Essência Literária
Livro anterior: Doce Amargo – Livro I | Resenha
Para Melinda Blackwell, descobrir que seu casamento era apenas uma farsa foi a coisa mais dolorosa que poderia ter lhe acontecido. Os beijos que ela tanto amava, os toques que a enlouqueciam… nada disso era real. Ela não teve escolha, a não ser pedir o divórcio. Agora precisava seguir em frente, dando tudo de si para que a dor que Robert lhe causou não a transformasse numa pessoa irreconhecível.
Enquanto Linda batalha para reconstruir sua vida, Robert se dá conta de quão errada a vida dele parece sem a esposa ao seu lado.
Sozinho na mansão Blackwell, sem nunca ter alguém com quem dividir um momento importante, ele é frequentemente transportado para os dias leves e felizes que Linda costumava lhe oferecer.
Melinda sabe de uma coisa: tem que superar, mas esquecer é praticamente impossível. Quando se entregou a paixão e amou perdidamente, teve seu coração despedaço por um simples testamento. Quando a felicidade parecia tão real em sua vida, descobriu que seu casamento não passava de uma farsa. Entendendo que Robert nunca lhe amou, ela decide ir embora.
Não podia continuar vendo-o. Não podia vê-lo e se lembrar que todos os beijos, todos os toques, todas as vezes em que se amaram não passaram de fingimento. Morando agora com a amiga, ela tem um novo emprego e um caminho para seguir sua vida. Sabendo que é impossível esquecer tudo o que viveu, ela fica orgulhosa de acordar mais um dia e seguir em frente. E é seguindo em frente que Linda conhecerá Will. Com um encontro armado pela amiga, ela verá no belo sorriso dele, que pode sorrir novamente. Galanteador, Will parece disposto a simplesmente fazer Mel – como ele a chama – feliz e quem sabe, fazer ela se apaixonar novamente.
Robert está sozinho. Vivendo na mansão, ele sente o peso de uma cama ser espaçosa demais para ele, porque a falta que Linda faz é perceptível em tudo. Mesmo que desde o início soubesse que o romance entre eles estava fadado ao fracasso, ele não conseguiu não se entregar, era maior que ele. Ele se entregou e viveu aquela paixão, mas sempre soube que a base daquele relacionamento era uma mentira, e o dia em que Linda também descobriu, Robert sentiu o peso de não ter lhe contado a verdade. A mentira arruinou a única coisa que tinha construído nos últimos anos em sua vida e o pior era saber que essa mentira tinha sido contada por ele mesmo.
Quando Robert percebe que realmente precisa ir atrás dela porque a ama e para mostrar que mesmo que tenha mentido, nunca fingiu o desejo e a paixão que sentia por ela, Linda parece já estar seguindo com a vida. Parece que ela, a real vítima de tudo, talvez tenha encontrado alguém capaz de amá-la de verdade, e no fundo, foi sempre isso que Robert desejou, mas antes de perceber que ele a amava. Enquanto ele tenta conquistá-la novamente, ela experimenta seguir em frente e talvez descobrir uma nova versão de si mesma.

RESENHA | Conto de Dragões – Fabi Zambelli

Livro: Conto de Dragões
Autora: Fabi Zambelli
Editora: Novo Século
Páginas: 416
Mariane, uma jovem universitária no auge de seus 20 anos, tem uma vida pacata e comum. Desde pequena ela sonha com criaturas místicas e sobrenaturais. No entanto, esses sonhos começam a ficar cada vez mais reais. A rotina que ela conhecia é completamente abalada quando um garoto misterioso entra em sua vida. O nome dele é Andrey, e parece ser perigoso – não que isso realmente importe para Mariane, já que ela se sente cada vez mais atraída por aqueles olhos verdes e profundos. Quando Andrey resolve abrir o jogo e revelar quem realmente é, o mundo da garota vira de cabeça para baixo e ela se vê envolvida numa guerra sobrenatural, na qual parece ser a chave da vitória dos dragões sobre os giants – criaturas místicas das quais, até então, ninguém ouvira falar. Mas há mais mistérios ao redor de Mariane do que ser simplesmente a “arma secreta”. Dragões e humanos precisam se unir para vencer um inimigo em comum. E em meio ao caos surge um amor improvável.
Apenas mais uma garota normal, Mariane realmente leva uma vida normal, está com vinte anos, mora com os pais, trabalha e faz faculdade. Mas um belo dia, em seus sonhos, tudo começa a ficar estranho, afinal, ela está vendo dragões, consegue se aproximar deles e são bonzinhos e desejam carinhos. Mas, então ela acorda.
Aquilo tudo era loucura, Mari sempre gostou da mitologia que envolvia dragões e os achava fascinante, mas acreditar que eles existiam já era um pouco demais. Porém, com as coisas estranhas acontecendo, como um garoto ligar para sua casa dizendo que ela é dele, e mesmo brava, ela se encantar com sua vez, como também esbarrar em um garoto que esbanjava beleza e a encantava só de respirar e, claro, continuava a sonhar com dragões, Mariane é levada a conhecer Andrey, o mesmo garoto que ligará para sua casa, o mesmo garoto com quem esbarrará por acaso.
Andrey não esbarrava com Mariane por acaso, ele a seguia. Ele a observava em todos os momentos, até por isso que entrou para a faculdade. Estava ignorando ordens de seu pai que também era seu líder, pois a necessidade de estar perto dela era bem maior que tudo.
Conhecendo-o, Mariane acaba sendo levada para uma realidade bem diferente da sua. Dragões existiam e o garoto por quem estava apaixonada era um deles. Mesmo em choque com as descobertas, Mariane sente a necessidade de se deixar levar pela fascinação e pela paixão.
Entrando cada vez mais nesta realidade paralela, Mariane sabe que os dragões são os bonzinhos da história, mas que o mal está por perto e este mal são os giants, que são criaturas místicas que saboreiam o prazer do caos, da morte e do poder. Depois de destruir muitas raças, eles estão na Terra, dispostos a destruir e terem domínio sobre o poder humano – que mesmo não parecendo, é bem poderoso. Mas os dragões estão aqui para derrotá-los, só não vão conseguir sozinhos e por isso precisam se aliar aos humanos. Contudo, os humanos são facilmente conduzidos a uma realidade falsa e depois de provas forjadas, será que elas ainda ficaram ao lado dos dragões? Se lutarem em lados diferentes, tantos os humanos quanto os dragões serão derrotados. Com uma guerra se aproximando, manter as forças unidas era essencial, mas unir raças tão distintas parecia realmente impossível.