Resenha | Felizes Para Sempre – Kiera Cass

Livro: Felizes Para Sempre
Autora: Kiera Cass
Tradutor: Cristian Clemente
Editora: Seguinte
Páginas: 448
Esta coletânea traz os contos A rainha, O príncipe, O guarda e A favorita ilustrados e com introduções inéditas de Kiera Cass. Conheça o príncipe Maxon antes de ele se apaixonar por America, e a rainha Amberly antes de ser escolhida por Clarkson. Veja a Seleção através dos olhos de um guarda que perdeu seu primeiro amor e de uma Selecionada que se apaixonou pelo garoto errado. Você encontrará, ainda, cenas inéditas da série narradas pelos pontos de vista de Celeste e Lucy, um texto contando o que aconteceu com as outras Selecionadas depois do fim da competição e um trecho exclusivo de A sereia, o novo romance de Kiera Cass.
Felizes Para Sempre é uma antologia de contos da saga A Seleção, que traz contos contando um pouco a história dos personagens, que acompanhamos durante os livros, mas não conhecíamos tão bem. Alguns contos, são retratados no mesmo tempo da seleção de Maxon, muitas cenas nós vimos na perspectiva de America e agora veremos pelo ponto de vista de outro personagem. Porém, o conto de A Rainha se passa na seleção do rei Clarkson – pai de Maxon –, e naquela época, a rainha era apenas uma Quatro que tentava conquistar o coração do rei.

Depois de ler toda a saga, acompanhar vários personagens coadjuvantes que o leitor acaba amando (eu amo muito) é maravilhoso ter Felizes Para Sempre para ler e poder conhecer melhor estes personagens, mesmo que você já saiba como a vida deles seguiram, é fantástico ver determinadas situações do ponto de vista deles.


A Rainha é o primeiro conto do livro e foi o que mais me surpreendeu. Nos outros livros, não tínhamos muito conhecimento sobre a personagem em si. Sua personalidade. Seus sentimentos. Porém, era uma das minhas personagens favoritas da saga.
Como são pequenos contos, não temos tantos detalhes, mas em A Rainha, percebemos a paixão dela pelo príncipe Clarkson. Ela não estava ali pela coroa ou pelo dinheiro, era por amor. Amor puro. Um amor onde ela seria capaz de levar um tiro para salvar seu amado. Neste conto, é muito interessante entender e compreender a extensão desse amor.
Agora o que mais me surpreendi é que não consegui me conter e acabei me apaixonando pelo príncipe Clarkson. Ainda odeio o rei que ele se tornou e não queria gostar dele, mas foi impossível. Este conto é surpreendente por isto, porque ele mostra outro lado de um personagem que provavelmente é odiado por muitos. Em poucas páginas, a pequena história mostra que talvez ele tenha um porquê para ter se tornado tão ruim. Não que justificasse, mas ele tinha uma história por trás e é magnífico ler isso.

"Estou desesperado por tranquilidade. Acho que você é a minha única chance de obtê-la."

O Príncipe é o segundo conto e foi o que menos me agradou. O Maxon não é lá o meu personagem favorito, mesmo ele sendo o mocinho da história. Neste conto, o começo é interessante, ver ele antes da seleção, com a Daphne, que acaba sendo importante para mostrar os sentimentos dele e de como tudo se desenrola após ele conhecer a America.
As cenas abordadas no conto são o começo da Seleção, então já lemos sobre elas pela visão da America e mesmo pela perspectiva dela, eu não gostava do romance dos dois no início, e gostei menos ainda pelo visão dele. Acho que esperava mais sobre ele, talvez com o pai, sobre as suas dificuldades e não sobre a sua ansiedade pela seleção.

O Guarda, é sem dúvida o conto que eu mais queria ler, porque é sobre a perspectiva do Aspen, que sem dúvida alguma é meu personagem favorito de toda a saga. Gostei realmente do conto, mas ele acaba se baseando nas cenas dele atrás da America, querendo seu perdão e que eles voltassem a ser o que era antes.
Eu pensava que o conto seria mais sobre o início do relacionamento dele com a Lucy (melhor casal) e como foi se apaixonar novamente, sendo que ele não acreditava que fosse capaz de amar outra pessoa. Isso foi o que me desanimou um pouco, mas o conto é bem interessante para entendermos os sentimentos do Aspen e seu desenvolvimento de um Seis, para um Dois, guarda do palácio. Então, o conto foi bem interessante no ponto que era sobre o Aspen, e em seu crescimento pessoal.

"Você é a única coisa pela qual eu já quis lutar." 

A Favorita, conto da Marlee foi um dos que mais gostei. Amo essa personagem desde o primeiro momento que ela apareceu na história e acredito que o conto dela acabou sendo o mais "forte" de todo o livro.
Digo isso porque já começa com ela sendo levada para ser castigada por ter cometido um crime ao príncipe, quando o traiu. Ler sobre a cena dela ser açoitada pela perspectiva dela própria é triste e instigante ao mesmo tempo que se torna romântico e emocionante, porque ela começa a se lembrar de como começou sua paixão pelo guarda. Se lembra de quando ela e Carter se beijaram pela primeira vez e agora estavam sendo castigados por se amarem enquanto, mesmo em meio a dor, declaravam seu amor um ao outro.
É muito bom também ver como tudo se desenrola depois de serem castigados, porque acabamos não tendo tantas respostas (com detalhes) durante a história da saga.

Depois dos contos temos as cenas da Celeste, o que é maravilhoso. Porque por mais que no fim a gente tenha visto a verdadeira Celeste, ter algumas cenas narradas por ela, entendemos quem é realmente a Celeste, quais são sentimentos. Seus medos.
As cenas da Lucy, que foram bem poucas, é minha parte favorita porque é sobre o relacionamento dela com o Aspen e em poucas cenas, a escritora consegue desenvolver bem toda a história deles.
Fora isto, também tem cenas do que acontece depois de A Escolha, e também temos breve "explicações" sobre o que aconteceu com as outras selecionadas, sobre como elas seguiram suas vidas.
O livro também conta com um trecho de A Sereia, outro romance da história, mas eu não li, porque ainda não tenho o livro e prefiro já começar a ler direto.

Todos os livros da saga tem uma edição maravilhosa, com uma capa maravilhosa, mas Felizes Para Sempre conseguiu superar tudo. As ilustrações que contem no livro são tão fofas e magníficas que sem dúvida é impossível virar a página sem dar mais uma olhadinha naquele desenho.

"Não sei se sou capaz de amar alguém, não do jeito que você a ama."

Felizes Para Sempre é leve, sem grandes pretensões e ótimo para quem leu a saga inteira. Ele é as respostas para muita perguntas sobre a história e seus personagens. É uma leitura surpreendente porque o leitor pode conhecer melhor alguns personagens, se surpreendo porque provavelmente não imaginava qual a verdadeira personalidade dos personagens secundários.

É uma leitura leve, descontraída e fluida. Você começa a ler e sem perceber já está na metade, quando não, já está chegando ao fim.

Felizes Para Sempre é o detalhe da saga. Você pode ter lido todos os outros livros, mas se não leu esse é como se arrumasse para sair mas esquecesse de colocar os sapatos. Se você não leu este livro é como se faltasse algo para completar a história. Felizes Para Sempre é a cereja do bolo.

"Esse é o único tipo de amor que conheço na vida. Quando você ama alguém, você se sacrifica. E eu me negava a deixar os outros a se sacrificarem por mim (...). Eu queria ser o herói."

Adquira

12 comentários:

  1. Oi Gabriela, tudo bem?
    Imagino que deva ser bem bacana saber mais detalhes sobre personagens, ainda mais quando o leitor já é fã da saga. =)
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Eu deveria ter parado a série em A Escolha, mas confesso que esse até que foi um livro bom.
    Li ele antes da A Elite, em ebook mesmo, não sei se ainda está gratuito, mas na época estava. Vale a pena para os fãs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gabi!
    Eu cheguei a ler alguns contos desse livro quando ela lançou separado..
    Beijos
    Balaio de Babados
    Promoção Quatro Anos de Minhas Escrituras

    ResponderExcluir
  4. Eu amo esse livro, pq ele dá uma visão melhor dos personagens
    Beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. OI, tudo bem?
    Já vi esse livro algumas vezes mas não li os outros... Adorei sua resenha e acho que também me apaixonaria pelo príncipe kkkkkk
    Que bom saber que vc gostou e que a leitura dele é essencial!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela resenha! Já li a série A Seleção, incluindo o livro Felizes para Sempre e curti bastante, apesar de algumas ressalvas. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Gabi!!! Primeira vez aqui no blog e estou adorando.. ainda não li essa saga mas vejo muitos comentários positivos a respeito dela!
    Ah, obrigada pela visita lá no blog
    beijinho
    EVENTUAL OBRA DE FICÇÃO

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    Eu amei a série e tenho esse livro aqui em casa mas ainda não li. Já tinha lido anteriormente os contos do Maxon e do Aspen e diferente de você eu amo o Maxon e acho o Aspen um estraga prazeres. Não gostei dele ter ficado correndo atras da America e depois do nada ter se apaixonado pela Lucy, pra mim não colou. Fiquei interessada nesse conto da rainha, porque acho dificil gostar do rei hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Ola!! Tudo bem?
    Estou louca para começar a ler eaaa série! E ver você falando tão bem dos contos me
    Deixa ainda mais animada por saber que tem tanta história boa envolvida :))
    Beeijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie =)

    Esse livro é lindo *-*
    Adoro quando os autores lançam histórias paralelas àquelas presentes nos livros. Esses contos nos ajudam a ter uma visão mais ampla da trama.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  11. Oie,

    Eu li apenas a trilogia inicial da autora e gostei bastante. tava esperando ler os outros dois livros da série para pegar os contos, mas isso ainda não aconteceu. :/

    Bjs, @dnisin
    www.sejacult.com.br

    ResponderExcluir