Magia é Sonhar Entrevista Graciele Ruiz


Graciele Ruiz é autora do livro O Senhor da Luz, que é o primeiro da Saga Datahriun.

Graciele nasceu em 1991 em Campinas, São Paulo. Dona de uma criatividade brilhante sonhava em mudar o mundo, mas acabou virando escritora. Aos treze anos rabiscou suas primeiras histórias, ainda no Ensino Médio (2007) começou a escrever seu primeiro livro “O Senhor da Luz – A Saga de Datahriun” que está em sua segunda edição.
Atualmente mora na grande São Paulo, é bacharel em Ciências Econômicas, atuante na área e ainda encontra tempo para escrever novas aventuras, sempre motivada pela magia e poder dos livros.
Hoje, ela é a nossa entrevistada e espero muito que vocês gostem dessa entrevista tanto quanto eu.

Como e quando surgiu a vontade de escrever? 
Eu sempre gostei de escrever e inventar histórias. O primeiro livro que tentei foi aos treze anos, eu nunca consegui terminá-lo e a história não era tão boa assim, rs. Mas me incentivou a continuar escrevendo e me aventurar por outros mundos.

Você começou a escrever muito cedo. Isso se deve ao fato de que você gostava de ler bastante ou não? Você lia bastante na adolescência?
Eu sempre li muito, desde a infância, devo muito disso aos meus pais. Lembro-me que um dos melhores presentes que ganhei foi um livro de contos de fadas ilustrado. Sempre fui apaixonada por livros. E essa paixão se tornou vontade de criar minhas próprias histórias, além disso, não existe uma boa história sem muita leitura por trás, não é necessário conhecer todas as técnicas de escrita para escrever um livro, mas ler é essencial.

Quando O Senhor da Luz começou a surgir para você? 
No ensino médio durante uma conversa com amigos, no início a ideia era escrever uma aventura onde cada um de meus amigos eram um personagem nessa saga pelas chaves.

Você sempre quis publicar O Senhor da Luz? 
Não, eu nem sabia que iria escrever um livro quando comecei. Mas depois que vi a história ganhar forma e o mundo ganhar vida decidi que iria publicá-lo.

Você teve algum medo ou receio em saber que outras pessoas leriam sua obra? 
Sim, com certeza. As únicas pessoas que haviam lido o livro antes da publicação eram meus amigos que estavam comigo desde o começo da história. Ou seja, de certa forma eles também faziam parte daquele mundo, apresentar o universo que eu havia criado para outras pessoas era algo novo, eu tinha dúvidas se elas também iriam conseguir se conectar com Datahriun e seus personagens.

Muitos falam que o mercado editorial é muito difícil principalmente para os autores nacionais, você teve alguma dificuldade? 
Sim, todos os dias, rs. Atualmente existem várias portas de entrada para o mercado, mesmo que seja através de publicação digital, então, eu acredito que hoje o mais difícil é você conseguir se consolidar no mercado.

Se arrepende de algo que escreveu em O Senhor da Luz?
Arrependi-me tanto que usei a segunda edição do livro para corrigir meus erros. A história da primeira edição e da segunda é a mesma, mas a forma como algumas cenas foram conduzidas mudaram e eu acredito que isso fez toda a diferença para a história.

Teve alguma dificuldade para desenvolver a história ou algum personagem da história? Quanto tempo você levou para dizer que o livro estava realmente pronto? 
Não consigo me recordar de nada específico agora, mas a primeira edição demorou cinco anos para ficar pronta e a segunda edição levou mais alguns meses.

Focando um pouco mais na história, você considera a Nahya uma protagonista da história também ou não, só a Lícia leva esse título? 
Eu considero, acho a Nahya uma personagem muito forte não só de personalidade, mas essencial para toda a história. Tenho grandes planos para ela.

Trazer sentimentos às criaturas desenvolvidas por você, como o Layer, foi difícil? 
Não, eu adoro escrever o Layer, o humor ácido que ele tem me diverte.

A jornada de Lícia teve muitos obstáculos e ela aprendeu muito durante toda a história, você acredita que a personagem já se desenvolveu o suficiente ou não, ela precisa e vai amadurecer e se desenvolver ainda mais? 
Ela ainda vai amadurecer bastante ao longo da história, [PEQUENO SPOILER] logo no começo do segundo livro ela passa por mais uma provação. Lícia ainda precisa de algum tempo para “terminar” de se desenvolver.

Existe alguma chance do personagem Nian do capítulo extra voltar a aparecer na vida de Lícia? 
Sim, isso irá acontecer.

Lícia, após a morte do avô, ficou sozinha, sem família alguma. Isso pode desestabilizá-la de alguma forma na continuação da história? 
Sim e muito. (não direi muito mais para não ficar soltando spoilers, haha).

No final do livro, Layer não pode acompanhá-los, isso quer dizer que no próximo livro o personagem não aparecerá? 
Não, ele não irá aparecer no começo da história, mas depois irão se reencontrar. (fique tranquila, hahaha).

O Senhor da Luz é o primeiro livro da saga Datahriun, você já está escrevendo o próximo? Pode nos dar uma possível data de lançamento? 
O segundo livro já está pronto, a previsão da editora é que saia esse ano na Bienal do Livro. Cruze os dedos junto comigo para dar certo e a previsão se concretizar!

Se fosse escrever O Senhor da Luz hoje, você mudaria ou acrescentaria algo na história? 
Não mais, porque já fiz isso na segunda edição, rs. Sempre acho que o livro pode melhorar, mas acredito que agora O Senhor da Luz está no jeito que deveria.

Você acredita que está conseguindo passar adiante o que realmente queria com o seu livro? 
Sim, o livro tem várias mensagens muito bonitas. A relação da amizade é muito forte, a persistência da Lícia de encarar todos os obstáculos em busca de seus objetivos e a representação da mulher por meio de duas personagens completamente diferentes e fortes, cada uma da sua forma. Em Datahriun as mulheres não precisam ser salvas, elas se ajudam e se salvam.

Para encerrarmos, têm algo a dizer à seus leitores, aos seus fãs?
Acreditem em vocês, persistam, estudem, não importa qual o seu sonho, o primeiro passo para alcançar algo é querer.

9 comentários:

  1. Amei a entrevista, e as palavras para os leitores! Acredito nisso fielmente! Bjos!
    http://thaydreams.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu adorei a entrevista, essa autora é muito simpática e verdadeira, porque quando a gente lê a entrevista, percebemos o quão sincera ela é. Não é fácil esse mundo de autora, porque ter destaque é difícil... Mas o legal é a dedicação dela em ler, escrever e criar vários livros legais. Nunca li seus livros, e estou ansiosa para poder ler. ^^
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia a Graciele, mas adorei conhecer. Muito legal ela ter começado a escrever tão jovem, adorei a entrevista e tenho certeza que os fãs iram amar! :)
    http://www.corujasemasas.com.br/
    Beijos. <3

    ResponderExcluir
  4. Adoro essas entrevistas, sempre acabo conhecendo um autor e uma obra nova! O Senhor da Luz parece bem legal, adorei o fato de cada um dos personagens serem baseados em amigos dela!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
  5. Oi
    não conhecia a autora e nem o livro, parece ser interessante. Bom saber que a personagem do livro dela é forte, gosto de protagonistas assim.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oie
    Muito legal conhecer mais sobre a autora e como começou a escrever, e ela começou muito nova. Fiquei mais curiosa pela obra.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oii,
    Eu adorei a entrevista! Não conhecia nem a autora e nem o livro, mas já gostei e vou procurar saber mais do livro pra comprar e ler.

    Beijos,
    Natália.
    www.doprefacioaoepilogo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Sempre quis ler o livro dessa autora. Parece ser muito interessante. E agora lendo essa entrevista e vedo como a autora é simpatica fiquei com mais vontade ainda!
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Legal conhecer novos autores, não lembro de já ter ouvido falar dela antes. Parabéns pel iniciativa de trazer esse tipo de conteúdo.

    www.cupidobrega.com.br
    Canal no YouTube

    ResponderExcluir