TOP 5 | Melhores Personagens Coadjuvantes dos Livros do John Green

Quem aí é apaixonado pelos livros do John Green? Eu sou e estou muito ansiosa para ler o novo livro dele, mas enquanto ainda não é lançado, o melhor a fazer é se lembrar de todas as outras histórias deste autor tão maravilhoso.
Eu já li todos os livros do John Green, e tenho um carinho muito especial por cada um deles, cada pedacinho de cada livro é importante para mim e pensando foi nisso que cheguei a seguinte conclusão: "John Green tem protagonistas e coadjuvantes maravilhosos!" Sem brincadeira, ele é um dos únicos autores que consegue me fazer amar todos os personagens.
Pensando nisto, resolvi trazer para vocês uma lista com os cinco melhores personagens coadjuvantes de John Green e espero que só nestes personagens vocês já tenham motivos para ler os livros dele – caso ainda não tenha lido.

Ben Starling | Cidades de Papel
Ao contrário de muitos que começaram a ler os livros de John Green por causa de A Culpa é das Estrelas, o primeiro livro que li dele foi Cidades de Papel e não sei se é por isso, mas tenho um carinho por este livro que é surreal. Eu amo a história e amo todos os personagens (todos, sem exceção), e nisto está Ben Starling, o melhor amigo de Q.
Ben é nerd, extremamente engraçado e você ri demais com ele e tudo o que acontece. Sem contar que ver o deslumbramento dele com a Lacey e a forma como é fofo com ela é muito lindo. Ele realmente está disposto a viver o seu último ano do ensino médio e ele vive. Ele se entrega e o leitor também.
"O para sempre é composto de agoras."
Lara | Quem é Você, Alasça?
Eu acho impossível alguém ler este livro e simplesmente não amá-lo, porque eu literalmente sou apaixonada por ele e por tudo que é ele. Outro livro em que todos os personagens são maravilhosos, mas precisamos destacar a Lara.
Por mais que algumas pessoas coloquem uma separação entre a Lara e a Alasca (o que acho bem ridículo, as duas são bem diferente e ambas são maravilhosas), Lara é uma das personagens mais importantes desta história.
Sorrir com ela falando errado ou aquela aparente inocência é automático. Em todas as cenas dela eu já estava esperando o momento em que ela fosse me fazer rir. Mas não só isso, ela é muito importante para o desenvolvimento do protagonista. Lara é simplesmente a Lara.

Coronel | Quem é Você, Alasca?
Eu precisava destacar mais um personagem de Quem é Você, Alasca?, porque este personagem é realmente importante e merecia estar nesta lista. Chip Martin, mais conhecido como Coronel é o amigo que todos queriam ter. Ele apresenta para Miles o que pode ser o Grande Talvez e o melhor é que paralelamente, a história deste personagem é realmente fascinante, como o desenvolvimento dele com a mãe e sem dúvida, quem ler o livro vai amá-lo.
"Pensamos que somos invencíveis porque realmente somos."
Hassan Harbish | O Teorema Katherine
Eu já li muitas críticas a este livro e não sei se é porque geralmente amo tudo o que o John Green escreve, mas eu realmente adoro O Teorema Katherine. E amar este livro também se deve muito ao personagens Hassan, que é simplesmente maravilhoso.
Ele tem um contraste maravilhoso com o protagonista e isso o torna melhor ainda. Não que ele seja burro, muito pelo contrário, mas ele não vê muita motivação em seguir em frente, enquanto Colin quer tudo e está sempre pensando no futuro. Os momento em que Hassan realmente fala as coisas na cara de Colin, percebemos que é ele quem deixa o amigo ao menos parecer normal. Sem contar, quando percebemos que ele se permite viver um romance de verão e melhor ainda, entende que é um romance de verão, nada mais que isso, entendemos que ele não cria tantas expectativas e é até bem maduro. E o melhor, é mais um personagem extremamente desenvolvido e engraçado.
"Ele gostava de todos os livros, porque adorava o simples ato de ler, a magia de transformar os rabiscos de uma página em palavras dentro da cabeça."
Tiny Cooper | Will & Will – Um Nome, Um Destino
Para encerrarmos esta lista, não podia faltar este livro e consequentemente, não poderia faltar Tiny Cooper.
Como o próprio nome do livro diz, temos dois protagonistas – dois Will. Mas o melhor deste livro é que mesmo com dois protagonistas fantásticos, temos um personagem coadjuvante que é ainda mais protagonista que os próprios protagonistas.
Tiny Cooper é como o Will diz: um gay que se parece gay. Ele não tem vergonha de ser ele mesmo e de lutar por aquilo que acredita. O desenvolvimento deste personagem com ambos os protagonistas, seja sendo o melhor amigo ou o quase namorado, é realmente fascinante. Além de trazer uma leveza para história, Tiny Cooper te faz sorrir, rir e entender o quão maravilhoso é se amar.
"Os aplausos continuam. Olho pata Tiny Cooper.
Ele pode ser pesado, mas neste momento está flutuando."
Sei que está faltando alguns livros do John Green nesta lista, mas como era um TOP 5, acabei escolhendo alguns personagens e muitos outros ficaram de fora, mas quem sabe, depois eu faça outra lista com outros personagens ou então com os melhores protagonistas (vai ser bem difícil), de qualquer forma, se vocês gostarem eu voltarei com mais listas assim. Espero que se você ainda não leu nada do John Green, agora tenho ao menos um motivo para conhecer a escrita deste autor tão maravilhoso.

11 comentários:

  1. Eu li apenas A Culpa é das Estrelas e foi esse livro que me trouxe para esse mundo, meu primeiro livro eu simplesmente amo, ele tem um lugar especial em meu coração.

    Amei as dias, infelizmente eu não tenho vontade de ler esses livros, não é meu estilo, mas A culpa é das estrelas é tudo kkk.

    Um beijo Gabi

    https://sussurrandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabi, tudo bem? Vc acredita que até hoje nunca li nada do Green? Vergonha, eu sei! mas fico muito feliz em saber que os coadjuvantes são tão bons quanto os protagonistas! <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Oi Gabi. Adorei sua lista, é muito importando a gente destacar os coadjuvantes, eles têm a mesma importância que um protagonista, porém, são apagados. Eu só li um livro dele "A culpa é das estrelas" chorei horrores. hahaha

    ResponderExcluir
  4. Oi,
    Tudo?
    Encontrei você em alguns outros blogs amigos e decidi te visitar, vi esse post sobre o Green e não podia deixar de comentar. Sabe que só li A Culpa é das Estrelas dele, mesmo assim me apaixonei por sua escrita. Tenho muita curiosidade em conhecer o livro Quem é você Alasca? Provavelmente esse será o próximo que quero pegar para ler. rs
    Fica aqui o convite se quiser me visitar também.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olpa, tudo bom?
    Li 3 livros dele, mas tenho um certo problema com o John G.
    Acho as histórias e personagens bem parecidas.
    5 O'clock Tea

    ResponderExcluir
  6. Confesso que eu não tenho tanto interesse assim nas obras do Green. Até tentei ler 'A culpa é das estrelas' uma vez, mas acabei abandonando. Mas recentemente decidi dar uma segunda chance ao autor, já que assisti Cidades de Papel e me despertou uma vontade de ler o livro. Então, porque não tentar de novo, né?
    Mil beijos :*
    Me Cativastes

    ResponderExcluir
  7. Olá, Gabi!
    Dos livros do John eu só li "Quem é você, Alasca?" e "Will e Will". Realmente, Tiny Cooper é demais!
    Beijos,
    Meise Renata.
    viciadas-em-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Gostei imenso do livro ''Teorema de Katherine'' e da ''Culpa é das Estrelas''que foi bastante comovente. Além disso, vi o filme das ''Cidades de Papel'', apesar de não ter gostado muito da personagem principal feminina.

    https://algodaodoce1234.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  9. Olá, Gabi.
    Eu infelizmente não vou ler mais nada do autor. Li quatro livros dele e não consegui gostar de nenhum deles. Esse Wiil e Will foi ultimo e detestei. Mas cada um tem um gosto hehe. Faça mais tops do tipo, é bem legal.

    Prefácio

    ResponderExcluir